Por que os médicos precisam estar no Linkedin?

Entenda algumas estratégias que você precisa passar para ser um médico bem-sucedido digitalmente

Júlia Bernardi

Jornalista, especialista em cultura digital e redes sociais
Coordenadora de Marketing da GestãoDS
Júlia Bernardi

Você já ouviu falar no Linkedin? A rede social é uma das mais conhecidas no mundo dos negócios. Para empresas e contatos corporativos ela é essencial como forma de transformar autoridade e aumentar o conhecimento de seu negócio. No entanto, a sua utilização para clínicas e profissionais da saúde é uma novidade.

Como você deve saber, os médicos estão constantemente buscando evoluir com métodos novos e uso de ferramentas diversas. No entanto, somente saber essas novidades pode não ser suficiente quando falamos na autoridade. Ou seja, a partir do momento que você médico quer ser reconhecido na sua área precisa criar mecanismos desse tópico.

Mas, como se fazer ser conhecido nesse mundo com muitos profissionais disputando o espaço e atualizações em um ambiente conectado? Uma das soluções pode ser utilizar o Linkedin. Ela tem o objetivo de conectar os profissionais, funcionando como um currículo online.

Então, esse é o local para você colocar seus títulos importantes, especializações e o que seja relevante para quem busca um serviço com sua clínica. Mesmo assim, você pode estar presente em outras redes sociais. Quer ver como utilizá-lo melhor? Separamos alguns passos para lhe ajudar.


Tenha uma página para sua clínica e torne-se referência

Mesmo que você tenha o perfil como médico no Linkedin, como falamos anteriormente, é essencial que sua clínica tenha autoridade nesse ambiente. Fazer a criação da página é simples.

Apenas seguindo os passos e preenchendo as informações necessárias você conseguirá estar pronto para construir sua autoridade. Seja breve para apresentar sua clínica e seus serviços, mas explique muito bem suas especialidades.

Mantenha conteúdo de qualidade no ambiente, pois isso fará com que você gere autoridade. Assim, ele se tornará referência na sua área e será impulsionado por seu perfil pessoal no Linkedin. Isso envolve publicações de respostas a dúvidas e atualizações da área, por exemplo. Não importa se seu foco é a produção de conteúdos visuais ou em texto, o essencial é manter a distribuição de informação.

Uma dica é ficar atento com a identidade visual da página. Isso porque, dependendo das imagens que você utilizar pode passar uma postura mais formal, ou até mesmo, um ambiente mais acolhedor. Lembre-se de manter uma uniformidade em sua comunicação online e offline.

Faça uma rede de contatos com outros médicos e pacientes

Em um mercado com tantas especialidades e profissionais é essencial o foco naquilo que você está querendo tratar. Por isso, médicos que estão no Linkedin devem fazer contato com outros profissionais da saúde para expandir sua lista de contatos.

A expansão da sua rede é essencial dentro do Linkedin. Assim, conectado a diversas referências na área você pode ampliar a experiência do paciente. Isso porque, você conhecerá como outras pessoas atuam e poderá pensar em estratégias únicas para sua clínica.

Nesse caso, o Linkedin para médicos propicia um laço de confiança com o paciente. Profissionais que querem se destacar no mercado podem utilizar essa ferramenta como fator decisivo para sua construção.

Agora que você já aprendeu mais sobre isso, que tal aproveitar os minutos que ainda tem até atender o próximo paciente para criar seu Linkedin agora mesmo? Depois, volte para entender outros tópicos que você pode melhorar ainda mais na sua clínica médica.


Gostou do nosso conteúdo? Então, entre em contato conosco através das nossas redes sociais!

Site GestãoDS
Facebook
Instagram
LinkedIn
YouTube

Júlia Bernardi

Jornalista, especialista em cultura digital e redes sociais Coordenadora de Marketing da GestãoDS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *